terça-feira, 16 de março de 2010

Mentiras sinceras...





Mudei muito e não preciso que acreditem na minha mudança pra que eu tenha mudado.
Caio F.



Chorei.
Chorei, sim, e não posso fugir disso. Chorei por uma mentira. E agora, escrevo pela mesma.
Mentira... porquê?
Você entende porque as pessoas mentem? Nem eu, mas minto também.
Há um tempo atrás, menti. Machuquei pessoas com mentiras. Me machuquei com mentiras.
Pois a cada em cada pessoa que machuquei, havia um pedaço de mim. Machuquei, e os machucar me machucou mais que a todos eles.
Hoje me machucaram. Roubaram, de certa forma, minha confiança - que diga-se de passagem é bem difícil de conseguir -, tiraram um pedacinho de mim.
Não quis julgar a mentira, ou o mentiroso. Pensei: Eu também já menti.
Tornei a pensar: Mas quando menti, recebi muitas palavras doloridas de resposta as mentiras e só assim aprendi.
É... não aguentei e explodi. Briguei, chorei, perguntei por que, não tive minha resposta.
Não sou uma pessoa que precisa de respostas pra seguir, mas algumas... algumas fariam tanto sentido ter.
Menti. Mentiram.
Aprendi.
Cada vez que penso em falar uma mentira pra contornar qualquer coisa em prol do meu bem estar, por mínima que seja, se sei que via machucar alguém, meu coração bate mais forte, a cabeça pesa/pensa, e não, eu não consigo mais mentir. Isso é bom, não, é? É bom não machucar os outros.
Antes de ontem quase perdi a pessoa mais importante da minha vida. Senti uma dor tão grande. Uma buraco. Uma raiva. Ainda não dormi. Ainda não parei de pensar. Ainda tremo. E agora, essa mentira. E agora, essa visão. E agora, esse vazio querendo só um abraço pra preencher.
Sofri. Aprendi.
Mas ainda dói. E não sei quando vai parar de doer...

12 comentários:

Ni ... disse...

Só posso dizer que sinto saudae... e que se precisar, estou sempre aqui pra você...

Beijo e mais beijos..

Anônimo disse...

Eu já menti. E ando mentindo. Pra mim mesma. E pra quem quiser acreditar. E dói.

Mas o que mais dói é ter que mentir pra mostrar o que está escancarado.

Esse seu texto falou tanto pra mim hoje.

Obrigada!

Um beijo,

Glau

Be Lins disse...

Senti sua falta.

Sobre mentiras, prefiro mentir a magoar, e se mentir for inevitável, que seja a mais bela mentira, carregada de todo esforço para ser mantida, há que se ter respeito para com quem vamos mentir.
Eu minto!, mas com a melhor das intenções.

Beijo

Hosana Lemos disse...

Odeio mentiras, e não admito quem mente pra mim.
No teu caso fico feliz que percebeu que isso não leva ninguém a nada...
Tens agora um motivo para mudar.

muito bom o texto.

e essa dor, passa...sempre passa!
=)

Jaya Magalhães disse...

Teu texto-desabafo me fez te abraçar antes que a leitura terminasse.

Moço,

Algumas coisas, às vezes, param de doer. Embora latejem loucas em dias chuvosos, como Caio quase disse.

Segura as pontas. Segura em mim. Voemos.

Um beijo.

Jaque ઇ‍ઉ disse...

A mentira, como diziam, tem perna curta.
Eu não costumo mentir, porque sei que posso magoar quem eu realmente amo, porque já fui magoada várias vezes por mentiras que descobri...

Mas é possível alguém mudar. Senti exatamente o que vc sentiu lendo seu texto. Muito bom vc ter mudado e reconhecido. Esse é o primeiro passo.

E pra toda mentira há um perdão. E perdoar é uma dádiva. E faz muito bem.

Mas a mentira sempre dói...
Espero que isso passe logo e vc possa provar que realmente mudou e reconquistar essa pessoa importante.

Bandys disse...

Tudo passa. O melhor é tentar ser feliz.
Um semanade muita paz e luz.
Beijos

Lilian disse...

Cicatrizes deixam consigo lições =*

Adrielly Soares disse...

Mentiras. A menina dos olhos dos escritores.
Não sei, mas acho mentir essencial.
Entenda como preferir.


Ps: nossa descrição do perfil é quase igual.

Hosana Lemos disse...

"Não quis julgar a mentira, ou o mentiroso. Pensei: Eu também já menti."

Menti para mim mesma, e essa para mim foi a pior de todas.

=/

Anônimo disse...

Voltou a escrever! Que lindo.
Feliz é aquele que se adestra com a humildade do amor de uma criança.
A verdade é sempre o melhor caminho.

Saudade, oras. Mesmo.

Nayara.

Liberdade. disse...

oi minha linda!
sou mais uma dura verdade do que uma doce mentira.porem nem semprre é possivel falar a verdade,por vários motivos.
belo post,parabéns!